Concurso Nacional Unificado: Edital oferará 6640 vagas

Concurso Nacional Unificado
– Publicidade –

Aviso Importante:

Informamos que os cursos oferecidos de forma online, disponibilizados por outra empresa, serão divulgados em nossa página. No entanto, não nos responsabilizamos pela matrícula, acesso ou conteúdo desses cursos. Apenas fornecemos informações e divulgamos conteúdos de diversas instituições de ensino na internet. O link para matrícula e acesso aos cursos será disponibilizado na página do respectivo curso. Recomendamos que verifiquem cuidadosamente os detalhes e políticas fornecidos pela empresa responsável antes de se inscreverem ou participarem de qualquer curso.

O edital de abertura do Concurso Nacional Unificado deve ser publicado na próxima quarta-feira, dia 10 de janeiro. As inscrições serão aceitas entre 19 de janeiro e 9 de fevereiro. Estão previstas 6.640 vagas em cargos do governo federal.

 

 

Veja abaixo a distribuição das vagas que estarão disponíveis.

  • Funai – 502 vagas
  • Incra – 742 vagas
  • MAPA – 520 vagas
  • Ministério da Gestão e cargos transversais – 1.480 vagas
  • Ministério da Saúde – 220 vagas
  • Ministério do Trabalho e Emprego – 900 vagas
  • Antaq – 30 vagas
  • MDIC – 110 vagas
  • Previc – 40 vagas
  • ANEEL – 40 vagas
  • ANS – 35 vagas
  • IBGE – 895 vagas
  • Ministério da Justiça – 130 vagas
  • MCTI – 296 vagas
  • Ministério da Cultura – 50 vagas
  • Advocacia Geral da União – 400 vagas
  • Ministério da Educação – 70 vagas
  • MDHC – 40 vagas
  • MPI – 30 vagas
  • MPO – 60 vagas
  • Inep – 50 vagas

A seleção será feita inicialmente com prova objetiva geral, comum para todos os candidatos, provas objetivas e dissertativas por áreas de atuação e blocos temáticos, avaliação de títulos ou experiência profissional e aplicação do critério de preferência para a classificação final. As provas devem ser aplicadas em 217 municípios. A lista completa pode ser visualizada aqui.

O edital publicado na próxima quarta-feira irá informar sobre blocos temáticos, conteúdos das provas e critérios para classificação e desclassificação. Serão oito editais, um para cada bloco temático:

  • Administração e Finanças Públicas;
  • Setores Econômico, Infraestrutura e Regulação;
  • Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento Agrário;
  • Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação;
  • Políticas Sociais, Justiça e Saúde;
  • Trabalho e Previdência;
  • Dados, Tecnologia e Informação Pública; e
  • Nível intermediário.

Cronograma do Concurso Nacional Unificado

  • 10 de janeiro de 2024: publicação do edital;
  • 19 de janeiro a 9 de fevereiro de 2024: inscrições;
  • 29 de fevereiro de 2024: divulgação dos dados finais de inscrições;
  • 29 de abril de 2024: divulgação dos cartões de confirmação;
  • 5 de maio de 2024: aplicação das provas;
  • 3 de junho de 2024: divulgação dos resultados; das provas objetivas e preliminares das provas discursivas e de redação;
  • 30 de julho de 2024: divulgação final dos resultados;
  • 5 de agosto de 2024: início da convocação para posse e cursos de formação.
– Publicidade –

O Concurso Nacional Unificado irá centralizar os editais federais autorizados em 2023, com dia único de realização das provas.

 

 

Fonte: www.horabrasil.com.br

0 comentários a “Concurso Nacional Unificado: Edital oferará 6640 vagas”